Cidadania

Elon Musk continua trollando o Twitter — Quartz

Elon Musk revelou recentemente uma participação de 9,2% no Twitter, tornando o CEO da Tesla e da SpaceX o maior acionista da plataforma de mídia social. O envolvimento de Musk foi comemorado pelos superiores do Twitter, que logo lhe ofereceram um assento no conselho. Mas em 10 de abril, o CEO do Twitter, Parag Agrawal, compartilhou que Musk recusou a oferta.

O anúncio do conselho do Twitter, naturalmente, veio com restrições: aceitá-lo faria de Musk um membro da empresa pelos padrões regulatórios dos EUA e implicaria limites adicionais sobre como ele poderia negociar ações e falar publicamente sobre o Twitter. Manter a cadeira no conselho também significaria se comprometer a não comprar mais de 14,9% das ações do Twitter enquanto estivesse no cargo ou por 90 dias depois. A oferta da empresa não era apenas uma oferta de paz, mas uma maneira de controlar o impulsivo Musk, que tem uma propensão a fazer piadas rudes, postar memes e trollar pessoas no Twitter.

Nesse sentido, pode-se dizer que a decisão de Musk está inteiramente no personagem. Elon Musk não quer ser dono do Twitter, controlá-lo ou exercer influência ideológica sobre as políticas de moderação de conteúdo da empresa. Você simplesmente quer twittar sobre seu site favorito, com o mínimo de entrada de um “cão de guarda do Twitter”, executivos do Twitter ou da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC).

Os problemas de Elon Musk com a SEC

Musk está há muito tempo em guerra com a SEC por causa de seus tweets. O CEO da Tesla, em várias ocasiões, twittou declarações que levaram a agência a parar de negociar ações da Tesla. E em 2018, a SEC processou Musk por um tweet que alegava falsamente que ele havia arrecadado fundos para tornar a Tesla privada.

No acordo resultante, Musk concordou em pagar uma multa e deixar o cargo de presidente da Tesla por três anos. Ele também concordou com o “Twitter watcher”, um advogado que supostamente revisa todos os tweets de Musk sobre Tesla antes de publicá-los. Em uma entrevista de 2018 com 60 minutosMusk disse que não respeita a SEC e que nenhum advogado revisa seus tweets; agora está processando a SEC para remover a babá do Twitter do acordo.

Ao adquirir sua participação no Twitter, Musk também pode ter infringido a lei de valores mobiliários: ele atrasou duas semanas na divulgação do investimento, de acordo com as regras da SEC, e se apresentou como um investidor passivo, sugerindo que não tem interesse no investimento. Musk passou a semana twittando de tempos em tempos sobre todas as maneiras pelas quais o Twitter poderia mudar. Ele defende um botão de edição, alterando o preço do produto de assinatura do Twitter, removendo anúncios da plataforma e, como não pode deixar de fazer piadas bobas, removendo o ‘w’ do nome Twitter.

Por que Elon Musk recusou um lugar no conselho do Twitter

Horas depois que Agrawal anunciou que Musk não se juntaria ao conselho do Twitter, o excêntrico bilionário excluiu muitos de seus tweets recentes na plataforma de mídia social. Mas parece claro que aceitar a vaga no conselho colocaria em risco o que mais importa para Musk: trollar todo mundo no Twitter, incluindo seus executivos.

Como membro do conselho, Musk teria acesso a informações confidenciais, que provavelmente estariam sujeitas ao Fair Disclosure Regulation (Reg FD), o mesmo regulamento que restringia seus tweets da Tesla, de acordo com Adam Pritchard, professor de direito de valores mobiliários da Universidade. da Faculdade de Direito de Michigan.

O assento do conselho também teria colocado um alvo maior da SEC em Musk, que neste momento não posso compre mais ações do Twitter sem tropeçar em fios regulatórios adicionais. A SEC considera qualquer pessoa com 10% das ações de uma empresa como um “insider”, que deve aderir a regras rígidas sobre compra e venda de novas ações.

Está claro que Musk ainda não está pronto para fazer essas concessões. Como aponta Pritchard, “no que diz respeito ao twittar, você é livre para fazer o que quiser se não estiver no conselho”.

Source link

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo